Estiagem prolongada mantém Sanepar em alerta em Medianeira

Compartilhe:
Uso racional da água é fundamental para evitar desabastecimento

A estiagem prolongada que afeta o interior do Paraná reduziu o volume de água do Rio Alegria, um dos principais mananciais de abastecimento de água de Medianeira. O Rio já apresenda queda na vazão de 30%. Em razão disto, o deficit de produção de água na cidade já ultrapassa três milhões de litros por dia.

Apesar de a Sanepar ter colocado em operação, nesta primavera, dois novos poços, o fornecimento de água para a cidade tem causado grande preocupação. Segundo o gerente regional Nilton Perez, “a situação é bastante crítica e existe a possibilidade da Sanepar ter de adotar medidas para fornecer a água de forma alternada na cidade”.