‘Eu quero que o meu rosto seja mostrado na TV’, diz autor de ataque em escola que alegava sofrer bullying

Compartilhe:

Mais um vídeo encaminhado para a Polícia Militar de Medianeira que é atribuído a um dos menores que participaram do ataque que feriu dois rapazes em uma escola de Medianeira na manhã de hoje (28), mostra o adolescente falando dos motivos que levou o mesmo a cometer o atentado.

De acordo com ele a motivação é que ele e outro amigo sofriam bullying.

Eu estou muito ansioso, tô passando mal? Peço que os familiares tenham compreensão pelos meus atos, pois seus filhos me humilharam, me ameaçaram, me esporam de uma maneira que não tem mais perdão. Então, em vez de vocês criarem seus filhos, vocês apenas os deixaram no mundo? e hoje eles vão ver. Eu quero que o meu rosto seja mostrado na TV. Que os repórteres e redes de TV não falem merda, falem apenas a verdade. Não é um evento histórico, não é culpa de videogame,não é culpa de livro, não é culpa de bosta nenhuma, é apenas culpa desses filhos da put*… e se forem culpar algo, culpem seus filhos”.

O menor e outro comparsa na ação foi detido após realizar vários disparos na escola. Dois alunos foram feridos sendo que um foi atingido por um disparo na coluna espinhal e corre risco de ficar paraplégico. Depois de terem passado pelo hospital em Medianeira, os menores foram encaminhados para um Hospital de Foz do Iguaçu.

TarobaNews