Foz do Iguaçu recebe 8 mil kits para testes rápidos da Covid-19

Compartilhe:

Os oito mil kits fazem parte de um total de 28 mil adquiridos pelo Município em parceria com a Unila (Universidade Federal da Integração Latino Americana). Eles serão utilizados para a testagem ampliada de pacientes suspeitos da Covid-19.

A Prefeitura de Foz do Iguaçu recebeu hoje oito mil kits completos para testes do novo Coronavírus. A chegada rápida dos insumos só foi possível devido a uma parceria entre o Município e a empresa Innova Ldta, instalada no distrito industrial, que disponibilizou um avião para buscar os kits em Belo Horizonte (MG).

Os materiais chegaram no início da tarde, no Clube de Voo Itaipu, em Santa Terezinha de Itaipu, e foram levados até o no Laboratório Municipal, anexo ao Hospital Municipal Padre Germano Lauck. “Essa é uma forma de intensificarmos a busca por pacientes sintomáticos e com isso termos um maior controle e monitoramento dos casos”, explicou o prefeito Chico Brasileiro, que acompanhou a entrega.

“A ideia é testarmos o maior número de pessoas que apresentem algum sintoma da doença. Com isso, Foz do Iguaçu sai na frente. Hoje conseguimos dar uma resposta a tudo que está sendo preconizado pela OMS, que é fazer o maior número de testes, e com isso, teremos sucesso no enfrentamento a doença”, ressaltou.

Os oito mil kits fazem parte de um total de 28 mil adquiridos pelo Município em parceria com a Unila (Universidade Federal da Integração Latino Americana). Eles serão utilizados para a testagem ampliada de pacientes suspeitos da Covid-19. A entrega dos demais 20 mil kits de testes está programada pelo fornecedor para acontecer nas próximas 10 semanas (dois mil por semana). Foram investidos aproximadamente 900 mil reais na aquisição, sendo 84% deste valor assumido pela Prefeitura, por meio da Fundação Municipal de Saúde e 16% pela Unila.

“Sem a parceria da Unila, nada disso seria possível. A Universidade disponibilizou seus equipamentos, pessoal e recursos para fazermos os testes”, comentou Brasileiro, que também agradeceu a parceria com a Innova, que cedeu uma aeronave para a busca dos insumos. “Sem o apoio da empresa, não teríamos estes testes hoje em Foz. Isso acelera o trabalho de toda a equipe e contribui de forma significativa para o monitoramento de novos casos”, disse.

Rádio Cultura Foz