Sergio Moro pode deixar Ministério da Justiça do governo Bolsonaro; troca do comando da PF seria a motivação

Compartilhe:

O presidente Jair Bolsonaro comunicou o ministro da Justiça, Sergio Moro, nesta quinta-feira (23), que pretende trocar a diretoria-geral da Polícia Federal, hoje ocupada por Maurício Valeixo. O ministro estaria profundamente contrariado e teria dito a aliados que estuda pedir demissão.

A situação, de acordo com interlocutores próximos ao governo, ainda não é definitiva, visto que Bolsonaro está tentando reverter a situação.

Valeixo, atual diretor-geral da PF, foi escolhido por Moro para o cargo por ser apontado como “homem de confiança” do ex-juiz da Lava Jato. Desde o ano passado, Bolsonaro tem ameaçado trocar o comando da PF.

Bolsonaro informou ao ministro que a mudança deve ocorrer nos próximos dias.