Suspeito de ataque à grávida em Foz é preso em São Miguel do Iguaçu

Compartilhe:

A Polícia Militar prendeu na quinta-feira, 14, um dos suspeitos de participação no ataque à uma mulher grávida em Foz do Iguaçu. A vítima foi atingida na barriga e perdeu o bebê. Ela sobreviveu. O homem foi preso em São Miguel do Iguaçu. A equipe abordou o rapaz no local conhecido como Área Verde. Ele tinha mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio e aborto provocado. O indivíduo foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil.

O crime

Uma mulher grávida foi baleada na barriga na noite de terça-feira, dia 31 de março, em uma casa na Rua Guimarães Rosa, no Jardim América, em Foz do Iguaçu. Ela foi socorrida por moradores que a colocaram em um carro para ser levada ao Hospital Municipal, enquanto chamavam o Siate.

Silvana Ribeiro Gomes, de 27 anos, grávida de 8 meses, foi encaminhada diretamente ao centro cirúrgico do Hospital Municipal Germano Lauck. A mulher passou por uma cirurgia e está internada em estado grave. O bebê não resistiu ao trauma e morreu.

Segundo o delegado Dr. Francisco Sampaio, um dos homens tinha uma rixa antiga com o marido da vítima, que está preso. No entanto, ainda não há confirmação se o motivo do crime teria sido esse.